eng civil pode fazer projeto e instalação de pára-raio?


Responder Mensagem

eng civil pode fazer projeto e instalação de pára-raio?

diogomunhoz
postou em Qua, 05 Ago 2009, 20:16
Usuário Novato | Mensagens: 1

    Bom dia!
    Procuro uma informação que acredito que possam fornecer ou descobrir em meio a contatos de maior sabedoria e conhecimento que os meus: sou eng. civil, mas não encontro em lugar algum que minha atribuição pode ou não avaliar, assinar, projetar e executar instalações de SPDA (Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas) e aterramentos.
    Fazendo diversas buscas, encontrei apenas a resolução 0218 de 1973 do CONFEA que não especifica essa atribuição.
    Poderiam averiguar esse informação?
    Em caso negativo, há algum curso que pode ser feito para que essa atribuição seja agregada ao CREA/CONFEA?

    No aguardo de sua resposta.

    Atenciosamente,

    Diogo Munhoz


      Responder com Citação

    Fórum E-Civil
    postou em
    Advertising



    Eugênio Vicente Ferreira
    postou em Sáb, 08 Ago 2009, 00:41
    Usuário Nível 3 | Mensagens: 107

      Prezado Diogo,

      Engenheiro civil tem as atribuições definidas em função do mateiral didático fornecido pela instituição de ensino que proporcionou sua graduação. O diferencial entre as instituições são o período (tem engenheiro que se forma em quatro anos) e a hora/aula dada (atualmente o normal é o curso com cinco anos de duração mas antigamente eram necessário seis anos para se formar.

      Neste universo de tempo fica bem claro que há diferenças entre os engenheiros que se formam em seis, cinco ou quatro anos e certamente a quantidade de matérias e a hora/aula foram diferenciadas.

      Não recomendo que o senhor assuma está atribuição, pois entendo que nós engenheiros civis temos incontáveis tipos de responsabilidades e não acho interessante a gente absover mais esta.

      Para habilitação junto ao CREA/CONFEA o senhor terá que estudar engenharia elétrica onde as matérias básicas dadas no curso de engenharia civil, serão eliminadas. Outra solução seria fazer uma pós graduação que tenha na grade o SPDA, mas acredito que num curso desta natureza a engenharia elétrica seria pré requisito.

      Não sei se ajudei, mas boa sorte!

      _________________
      Eng. Eugênio
      Email: evf.engenharia@web2go.com.br
      Projetos Estruturais em concreto, aço e
      madeira.

      Paulo José Barreto
      postou em Ter, 11 Ago 2009, 10:58
      Usuário Nível 1 | Mensagens: 42

        Caro Diogo
        Até onde sei, atualmente, qualquer tipo de instalação elétrica (inlusive para-raios ) é realmente atribuição de Engenheiros Elétricos. Na dúvida consulte o CREA da sua região, e faça uma consulta a respeito de suas atribuições profissionais. Éu considero sempre válido consultarmos o Conselho que regulamenta o exercício de nossa profissão.
        Boa sorte!!!!

        Quem Pode assinar Projetos de SPDA

        cathaga
        postou em Seg, 16 Set 2013, 11:27
        Usuário Novato | Mensagens: 1

          DECISÃO NORMATIVA Nº 070, DE 26 DE OUTUBRO DE 2001

          Dispõe sobre a fiscalização dos serviços técnicos referentes aos sistemas de proteção contra descargas atmosféricas (pára–raios).

          O CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA–CONFEA, no uso das atribuições que lhe confere o inciso III do art. 10 do Regimento do CONFEA, aprovado pela Resolução nº 373, de 16 de dezembro de 1992, e
          Considerando a Resolução nº 218, de 29 de junho de 1973, que discrimina as atividades das diferentes modalidades profissionais da Engenharia, Arquitetura e Agronomia;
          Considerando o que estabelece a Lei nº 5.524 de 5 de novembro de 1968 e o Decreto nº 90.922 de 6 de fevereiro de 1985 que regulamentam a profissão dos técnicos industriais e agrícolas;

          Considerando a Resolução nº 288, de 7 de dezembro de 1983, que designa o título e fixa as atribuições das novas habilitações em Engenharia de Produção e Engenharia Industrial;
          Considerando a Resolução nº 313, de 26 de setembro de 1986, que dispõe sobre o exercício profissional dos tecnólogos das áreas pertinentes ao Sistema Confea/Creas;
          Considerando a Resolução nº 336, de 27 de outubro de 1989, que dispõe sobre o registro de pessoas jurídicas nos Conselhos Regionais de Engenharia, Arquitetura e Agronomia-Creas;
          Considerando a Resolução nº 380, de 17 de dezembro de 1993, que discrimina as atribuições provisórias dos engenheiros de computação ou engenheiros eletricistas com ênfase em computação;
          Considerando Resolução nº 425, de 18 de dezembro de 1998, que dispõe sobre a Anotação de Responsabilidade Técnica-ART;
          Considerando o estabelecido nas Normas Técnicas da ABNT, sobre os Sistemas de Proteção contra Descargas Atmosféricas, aqui denominados SPDA, em especial as Normas NBR-5410/90 e NBR-5419/93, que visam dar segurança às pessoas, estruturas, equipamentos e instalações internas e externas;
          Considerando, também, a necessidade de fixar procedimentos visando a uniformidade de ação por parte dos Creas quanto ao registro de ART de projetos, fabricação, instalação e manutenção de SPDA, face às peculiaridades e o desenvolvimento tecnológico desses sistemas que, quando instalados de forma incorreta, podem causar acidentes, inclusive com vítimas fatais, e sérios danos a bens móveis e imóveis,

          DECIDE:

          Art. 1º As atividades de projeto, instalação e manutenção, vistoria, laudo, perícia e parecer referentes a Sistemas de Proteção contra Descargas Atmosféricas-SPDA, deverão ser executadas por pessoas físicas ou jurídicas devidamente registradas nos Creas.
          Parágrafo único. O projeto de SPDA envolve levantamento das condições locais do solo, da estrutura a ser protegida e demais elementos sujeitos a sofrer os efeitos diretos e indiretos de descargas atmosféricas, os cálculos de parâmetros elétricos para a sua execução, em especial para os sistemas de aterramento e ligações eqüipotenciais, seleção e especificação de equipamentos e materiais, tudo em rigorosa obediência às normas vigentes.

          Art. 2º As atividades discriminadas no caput do art. 1º, só poderão ser executadas sob a supervisão de profissionais legalmente habilitados.

          Parágrafo único. Consideram-se habilitados a exercer as atividades de projeto, instalação e manutenção de SPDA, os profissionais relacionados nos itens I a VII e as atividades de laudo, perícia e parecer os profissionais dos itens I a VI:

          I – engenheiro eletricista;
          II – engenheiro de computação;
          III – engenheiro mecânico–eletricista;
          IV – engenheiro de produção, modalidade eletricista;
          V – engenheiros de operação, modalidade eletricista;
          VI – tecnólogo na área de engenharia elétrica, e
          VII – técnico industrial, modalidade eletrotécnica.

          Art. 3º Todo contrato que envolva qualquer atividade constante do art. 1º deverá ser objeto de Anotação de Responsabilidade Técnica-ART.

          §1º Deverá ser registrada uma ART para cada tipo de pára–raios projetado e/ou fabricado.

          § 2º Quando as ARTs relativas às atividades de instalação elétrica/telefônica exigirem a instalação de SPDA, esta deverá estar explícita na respectiva ART.

          Art. 4º Esta Decisão Normativa entra em vigor na data de sua publicação.

          Art. 5º Ficam revogadas as disposições em contrário.

          Eng. Wilson Lang
          Presidente

          Eng. Agr. Jaceguáy Barros
          1o Vice-Presidente

          Publicada no D.O.U de 21 NOV 2001 - Seção I - pág 221

            Responder com Citação

          Fórum E-Civil
          postou em
          Advertising


          Quem Pode assinar Projetos de SPDA

          IsaacdeCristo
          postou em Sex, 20 Set 2013, 18:38
          Colaborador Nível 5 | Mensagens: 3222

            Prezado Diogo,

            Creio que o Cathaga respondeu bem a contento. Um excelente esclarecimento, inclusive citando a NORMA.

            Parabéns, Cathaga, for esclarecedor pra mim também!

            _________________
            Brick wallVai construir, reformar ou investir em imóveis?
            Leia o livro "CONHECENDO OBRAS" 3ª Ed
            Autor: ISAAC DE CRISTO - Arquiteto (CAU: 171432-5)

            www.isaacdecristo.com.br


            Responder Mensagem


            Construção civil, discussões gerais